Autoria do maestro e professor Geraldo Farina

De lugares abarrotados de turistas, com intensa programação cultural e artística, ao mais completo e silencioso vazio. O cenário da Itália antes da pandemia, que também pode ser observado no mundo inteiro, é retratado no livro “Italia Bella – Viagens, memórias e reflexões”, de autoria do maestro e professor Geraldo Farina.

A publicação será lançada no próximo dia 22, em um evento fechado para convidados, no Restaurante e Churrascaria Zandonai, no Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves. Esta é a sétima obra literária escrita por ele.

O livro faz um paralelo entre as sete viagens do autor à uma Itália agitada pelos milhões de turistas que frequentavam o país diariamente antes de se tornar a porta de entrada da pandemia do coronavírus na Europa. Entre as décadas de 1980 até 2018, Farina esteve com grupos de canto corais em cidades como Padova, Cittadella, Este, Bassano del Grappa, Trento, Roveretto, Villa Lagarina, Brentonico, Verona, Lago di Garda, Veneza e Roma. Também estão no livro roteiros em outras cidades e regiões, como Milão, Florença, Pompéia, Bolonha, Assis e Orvieto, Caravaggio, Cremona, Pisa, Lucca, Siena, San Gimignano.

O maestro conta que a ideia de escrever “Italia Bella” surgiu a partir da sua própria reclusão em função da pandemia. Ele revela que acabou se ocupando com a organização de documentos e das memórias das viagens à pátria mãe de grande parte dos imigrantes que aportaram na região da Serra Gaúcha a partir de 1875.

“São temas da obra as viagens de aprendizado à Itália dos meus avós, os intercâmbios culturais através da participação de coros de Bento Gonçalves e da região da Serra em festivais das regiões do Vêneto e do Trento. Realizei viagens com mais de 200 pessoas nos anos de 2012, 2014, 2017 e 2018. Todos os amigos com os quais convivemos em jornadas fabulosas são os personagens principais do livro. Além dos relatos e memórias, refleti muito sobre a realidade existencial de um ano de pandemia no mundo todo”, relata Farina.

Para viabilizar a edição do “Italia Bella – Viagens, memórias e reflexões”, o autor criou a Confraria Amigos do Livro, com cerca de 30 membros fundadores, que aportaram recursos para a publicação da obra.

No lançamento, além da entrega dos livros para os membros da confraria, haverá sessão de autógrafos para o público e jantar por adesão. Também estão na programação apresentações artísticas e intervenções culturais durante o evento.

SOBRE O ESCRITOR
Geraldo Farina nasceu em 1948, em Ibiraiaras (RS), e iniciou sua trajetória ligada à cultura ainda na década de 1970, no município gaúcho de Nova Prata. Professor de português, literatura e música, publicou os livros “História de Nova Prata”, “Memórias do Cotidiano”, “Reencontro”, “História de Veranópolis”, “Ricordi Taliani” e “O Vigor da Canção Popular Italiana no RS”, além de ter participado de obras coletivas como “Nós, os Ítalo-Gaúchos” e do filme “Legado Italiano”, da diretora Marcia Monteiro.

SERVIÇO
Livro “Italia Bella – Viagens, memórias e reflexões”, de Geraldo Farina
Resumo: A obra faz um resgate das memórias sobre as viagens do autor com grupos de canto coral e com turistas por dezenas de cidades italianas. Geraldo Farina faz um paralelo entre a efervescência cultural da Itália antes da pandemia, com as ruas e cenários vazios, após o país ser a porta de entrada do coronavírus no continente europeu.
Onde comprar: O livro estará à venda na Dom Quixote e Livraria da Paróquia Santo Antônio, em Bento Gonçalves, e na Gráfica Expressa Origami, em Nova Prata. Pedidos também poderão ser feitos pelo e-mail maestrogeraldofarina@gmail.com

Fonte: MCOM / Foto: Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here