Expectativa é a palavra que exprime o sentimento da organização da 14ª edição da Feira Internacional de Máquinas, Matérias-Primas e Acessórios para a Indústria Moveleira (FIMMA Brasil) e também das indústrias moveleiras associadas à Movergs, designers que integram o Projeto Raiz do Sindmóveis e de marmoristas expositores da feira envolvidos no projeto Mobstone – Mobiliário em Pedra.

Essa iniciativa inédita demandou cerca de cinco meses de desenvolvimento de produtos com a utilização da rocha ornamental como matéria-prima principal ou secundária do mobiliário. Quem circular pela FIMMA Brasil 2019, de 26 a 29 de março, em Bento Gonçalves (RS), terá a oportunidade de conferir toda a potencialidade, personalidade, versatilidade e beleza das rochas por meio da exposição de protótipos.

O presidente da FIMMA Brasil 2019, Henrique Tecchio, confirma que o projeto atinge seu objetivo de promover maior integração entre o móvel brasileiro, o design e a rocha. “A primeira edição do Mobstone comprova que o novo segmento rochas na FIMMA Brasil 2019 será de grande relevância”, aponta.

Expositores e profissionais
Quatro equipes estiveram engajadas: as indústrias AMMA Design, Tremarin, Aziforma e Heitor Móveis; os designers Marta Manente, Juliana Desconsi, Gemile Nondillo e Augusto Crespi; e os marmoristas De Carli, Micfel, CJ Mármores e Granitos e Cammino Pedras.

Alexandre Bittencourt De Carli, diretor Comercial e Administrativo da De Carli Mármores e presidente do Sindicato das Indústrias de Mármores, Granitos e Rochas Ornamentais do Rio Grande do Sul (Simag/RS), diz que viu no projeto Mobstone a oportunidade de aproximação com designers e parceiros do mobiliário para desenvolver uma linha de produtos, com valor agregado, e que pudessem ser fabricados num padrão de repetição. Atualmente, a De Carli trabalha exclusivamente com projetos sob medida. “Na FIMMA Brasil 2019 temos a expectativa de uma excelente feira, pela tradição que ela já tem e acreditamos que nossa participação no espaço possa prospectar diferentes parceiros e clientes para alcançarmos o nosso principal objetivo de criar uma linha de produtos inovadora no nosso setor”, destaca.

Rodrigo Rizzardo, diretor comercial da Pro Marmo, diz que a experiência com o Mobstone foi muito positiva, demonstrando caminhos que podem ser trilhados para a geração de negócios e diferentes opções de produto ao setor moveleiro. “Acredito que essa iniciativa nos possibilite maior aproximação com o mercado moveleiro, apresentando as possibilidades da aplicação de rochas ornamentais em peças do mobiliário”, destaca.

O projeto Mobstone foi idealizado pela FIMMA Brasil 2019 e Associação das Indústrias de Móveis do Estado do Rio Grande do Sul (Movergs), conta com o apoio do Sindmóveis/Projeto Raiz, do Instituto Senai de Tecnologia em Madeira e Mobiliário e da Revista Rochas, com o patrocínio da Pro Marmo Revenda de Pedras.

Conheça o conceito de cada iniciativa
Coleção Meteoro – desenvolvida pelo Stúdio Marta Manente para a AMMA Design, com participação da marmoraria De Carli Mármores

A pedra utilizada nesse projeto foi a Meteorus, que além de surpreendente em seus detalhes, carrega texturas e marcas próprias de um elemento com uma bagagem intrínseca de seu estado natural, seja ela proveniente do solo ou do espaço.

A coleção Meteoro é a junção da solidez das origens brasileiras com as histórias contadas pelos seus extratos deixados pelo caminho – ou pelo céu. Cada peça traz consigo um pouco de suas raízes e oferece espaço para que se criem novas narrativas para quem interagir com ela. Os cômodos que as abrigarem estão abrindo novas possibilidades para o futuro de uma peça com traços tradicionais brasileiros. Dessa forma, a linha é um convite para a criação de novos significados, em parte compartilhados, em parte únicos da vivência de cada um.

A coleção é composta de uma mesa de centro, que funciona tanto individualmente quanto em composições e suas bordas trazem detalhes em dourado que contrastam com a pedra do tampo; uma mesa lateral, que também explora os detalhes em dourado e filetes no acabamento, sendo que a peça é capaz de compor e decorar o ambiente com refinamento; e um painel que recebe traços ainda mais elegantes com o detalhe bisotê de suas arestas e, além disso, o filete dourado traz um cuidado especial para a peça.

Coleção Triza – desenvolvida por Bria Design para a Aziforma, com a participação da marmoraria CJ Mármores
A principal característica da coleção Triza é a geometrização das formas, volumes e geometrização compositiva. Uma série de peças contemporâneas e complementares que combinam pedras (mármores), apoiadas por uma armação de aço de seções finas que celebra a beleza da indústria. Peças com abordagens ocasional, funcionais e cuidadosamente detalhadas para compor qualquer espaço.

A coleção é composta por mesas de apoio (canto, centro e aparador), luminárias e chaise, etc. Todas elas possuem dois níveis de contraste com materiais de superfície nobres e atemporais como a pedra e a madeira. As mesas de apoio foram concebidas através de estrutura de aço utilizando várias seções, ângulo, haste e barra plana com uma superfície em mármore agregando valor e contrapondo com a leveza das estruturas metálicas. A sofisticada silhueta da chaise revela sua personalidade. A base rígida em aço vem em versões com quatro ou cinco raios, norteados pela proporção e racionalidade atemática onde a geometrização foi o conceito básico das peças. As opções de acabamento para a base de apoio são: cromado, polido, cromado preto e metal com acabamento em champanhe, latão, cobre etc. em contraponto com a elegância da base em pedra, com seu tampo linear e alongado com diversos usos e apoios.

Coleção Louvredesenvolvida pelo designer Augusto Crespi para a Heitor Móveis, com a participação da marmoraria Cammino Pedras
A coleção Louvre é inspirada na moderna arquitetura da pirâmide de vidro do Museu do Louvre, que apresenta um aspecto de joia lapidada. Foi desenvolvida para compor ambientes que vão do clássico ao contemporâneo mesclando a madeira, o metal e a pedra em harmonia. A pirâmide invertida, característica marcante da coleção, faz referência a forma do mesmo poliedro geométrico situada no interior do Louvre construída por 84 losangos e 28 triângulos. Outro elemento inspirador é a contraposição da imponente construção renascentista do museu com a pirâmide moderna. Assim como nas peças da coleção, que possuem estilo minimalista com linhas retas, a união de estilos cria um efeito complementar, realçando a beleza de cada produto.

Linha Harpa – desenvolvida pela designer Juliana Desconsi para a Tremarim, com participação da marmoraria Micfel
Elementos de extrema simplicidade e elegância aplicados aos efeitos de marcenaria na madeira imprimem um ar sofisticado e uma certa poesia aos detalhes da mesa de jantar, buffet e cabinet/bar da Linha Harpa. A harpa é um dos instrumentos mais antigos da humanidade, sempre em formato triangular, ela tem sua origem nos arcos de caça. Essas associações desenhisticas e semânticas foram aplicados aos detalhes dos produtos, trazendo o elemento triangular acompanhado pela linha que simboliza a corda e com detalhes sutis e delicados que estão presentes no esteriótipo de uma harpa. A combinação de madeira e pedra faz o contraponto de elementos quentes com elementos robustos e frios. Outro contraponto é o aspecto feminino com a imponência das proporções nos produtos. Ambos contrapontos também vão beber na inspiração da harpa que é doce e sutil, em seu uso, mas grande expressiva em seu tamanho.

Projeto Mobstone na FIMMA Brasil 2019
Quando: 26 a 29 de março de 2019
Onde: Parque de Eventos de Bento Gonçalves (RS)
Pavilhão: D, ruas 25 e 26
Horário: 13h às 20h
Entrada: gratuita mediante credenciamento
Mais informações: www.fimma.com.br / +55 54 2102-2450

Fonte: Adri Silva Agência de Conteudo / Foto: Reprodução Internet

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here