A localização que permite desfrutar de uma das paisagens mais icônicas de Bento Gonçalves é um dos privilégios do Laghetto Viverone Estação Hotel. Situado em uma esquina a 200 metros da Pipa Pórtico, de seus 15 andares também é possível ver o Vale dos Vinhedos e a praça da Igreja Cristo Rei. Com investimento de R$ 80 milhões, o Viverone Estação é o quarto empreendimento resultante da parceria da Forma Espaços Imobiliárias, com a incorporação, e da Rede Laghetto, com a administração. A inauguração será nesta sexta-feira, 18, às 20h.

Com a experiência de quase duas décadas no segmento, o sócio-diretor da Forma Francisco Faggion Filho sabe que muito do sucesso vem da geografia. “A área próxima ao hotel canaliza 93% do movimento de entrada na cidade”, contabiliza o administrador. Inclusive o nome foi escolhido por causa da estação ferroviária, um dos mais emblemáticos pontos turísticos do município.

“O conceito do hotel está exatamente em equalizar o clássico, representado pela preservação da herança da imigração italiana, com a praticidade e o conforto das grandes cidades”, resume o outro sócio-diretor da Forma, Paulo Pompermayer, engenheiro responsável pela execução do projeto.

Os 9197 m² do Estação foram construídos a partir de uma vinícola datada dos anos 50. “O projeto parte de uma interpretação do lugar, do reconhecimento de um setor importante no imaginário da população, tanto pela proximidade com a estação ferroviária e todo seu significado quanto pelo passado industrial desta fração do tecido urbano”, explica o arquiteto Fernando Ernesto Pasquali. Consciente da importância daquela edificação histórica, o projeto arquitetônico procurou resgatar a volumetria e a cobertura originais no bloco da esquina, recuando o novo prédio, que segue linhas contemporâneas para diferenciar-se do patrimônio original e, assim, valorizá-lo.

A inspiração de Pasquali e da arquiteta Sílvia Benedetti, especializada em interiores, veio de empreendimentos hoteleiros da Europa, com a introdução de um conceito de dormitório otimizado e bem equipado combinado com amplas áreas de uso comum. Exatamente para ter versatilidade a fim de atender tanto ao público business quanto ao de lazer, os apartamentos disponibilizam áreas de 14,22 até 47,77 m², as suítes presidenciais nos andares mais altos.

Sílvia conta que procurou acompanhar o conceito da arquitetura civil do hotel, moderno e minimalista na sua concepção. “Utilizamos materiais duráveis, de fácil manutenção e que proporcionam conforto e aconchego, como madeira, vidro, tijolos rústicos, pisos com efeito de concreto, cores suaves e tecidos dos estofados em linho e couríssimo, acrescentando um toque do industrial chique”, detalha ela, enfatizando o uso de mobiliário de empresas de Bento Gonçalves, reconhecida pelo polo moveleiro de alto nível.

Conheça o Laghetto Viverone Estação Hotel
– Localizado na Rua 10 de Novembro, 120, Cidade Alta, em Bento Gonçalves, próximo à Maria Fumaça, Epopeia Italiana, Praça das Rosas, Igreja Cristo Rei, Vinícola Aurora e Pipa Pórtico
– 15 pavimentos, sendo dois subsolos com garagens e áreas de apoio
– Segundo pavimento com auditório, saguão e academia
– Do terceiro ao 13º pavimentos com apartamentos
– Restaurante com 116 lugares
– Centro de convenções multiuso para 350 pessoas

Fonte: CDN Sul / Foto: Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here