Imagem: Bruno Polidoro/Cena de Os Dragões, de Gustavo Spolidoro

Acontece de 5 a 27 de março de 2022, a segunda edição da Adentro – Mostra Interiorana do Cinema Gaúcho. O evento itinerante reúne três longas e três curtas da recente safra de produções feitas no RS. Doze cidades de diferentes regiões gaúchas vão receber a atração em sessões gratuitas ao ar livre e em outros espaços. Também estão previstos debates com os realizadores e exibições para escolas. A programação completa pode ser conferida no site fb.me/mostra.adentro.

O evento começa no município de Santa Tereza, na Serra Gaúcha, no dia 5 de março (sábado), às 19h, na Praça Massimiliano Cremonese. Em caso de chuva, a exibição acontecerá no Clube Santa Tereza. A programação prossegue em Cruzeiro do Sul (6), Barra do Ribeiro (9), Pinheiro Machado (10), Mostardas (12), Riozinho (13), Pontão (17), Tiradentes do Sul (18), Porto Xavier (19), Barra do Quaraí (24), Mata (26) e Sobradinho (27).

A seleção de longas-metragens inclui títulos aclamados da cinematografia gaúcha recente: a comédia dramática “Aos Olhos de Ernesto” (2018), de Ana Luiza Azevedo, a fantasia adolescente “Os Dragões” (2021), de Gustavo Spolidoro, e o documentário “Portuñol” (2020), de Thais Fernandes. A programação de curtas traz os documentários “Construção” (2020), de Leonardo da Rosa, e “Ver a vista” (2020), de Daniel Candido de Bem, e “Letícia, Monte Bonito, 04” (2020), ficção de Julia Regis.

Este ano, a mostra ganha um formato itinerante por cidades de até 15 mil habitantes, para transformar praças e outros espaços públicos em cinemas ao ar livre. Cada programa da mostra reúne um curta e um longa metragem que serão exibidos em cada cidade. A proposta também abrange diálogos com escolas públicas locais e disponibiliza acesso às obras cinematográficas com o acompanhamento de um material didático para mediação em sala de aula.

Mostra Interiorana do Cinema Gaúcho | Ano II
De 5 a 27 de março | Entrada franca
* Obrigatório o uso de máscara durante o evento.

Filmes Longa metragem:

  • Os Dragões (2021), dir. Gustavo Spolidoro (Ficção, 87 min) | Sinopse: Em uma conservadora comunidade, cinco adolescentes veem seus corpos se transformarem de forma assustadora. Diante da repulsa da cidade e do medo da vida adulta, eles devem escolher se aceitam seu lado Dragão ou se rendem ao tédio e às regras locais.

  • Aos Olhos de Ernesto (2018), dir. Ana Luiza Azevedo (Ficção, 123 min) | Sinopse: O fotógrafo uruguaio Ernesto está perdendo a visão por conta da velhice, mas tenta disfarçar achando que consegue enganar a todos. Porém, surpreendentemente, ele descobre que ser velho não é de todo negativo e que ele ainda pode se divertir e rejuvenescer, fazer amizades e se apaixonar aos 80 anos.

  • Portuñol (2020), dir. Thais Fernandes (Doc, 79 min) | Sinopse: Muitas línguas são faladas na intersecção entre o Brasil e países vizinhos como Argentina, Paraguai, Uruguai e Bolívia. Uma investigação sobre a percepção da identidade nacional a partir da mistura entre o português, o espanhol e o guarani.

Filmes Curta metragem:

Construção (2020), dir. Leonardo da Rosa (Doc, 16 min) | Sinopse: Após ser despejada de sua casa, Andréia volta anos depois para a comunidade da Getúlio Vargas com seus filhos Augusto, Gustavo e Bruno.

Letícia, Monte Bonito, 04 (2020), dir. Julia Regis (Ficção, 19 min) | Sinopse: No interior do Rio Grande do Sul, Lais conhece a intensa Letícia, com quem passa uma tarde letárgica de verão.

Ver a vista (2020), dir. Daniel Candido de Bem (Doc, 3 min) | Sinopse: Durante áudio para minha mãe, percebo um ciclo onírico entre memórias que alimentam sonhos a partir de reencontros com imagens que evocam a consciência e a performance da passagem do tempo. Revivo e transformo um momento com meu pai, morto há quase 20 anos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here