Lynn Shelton, cineasta independente mais conhecida por seu trabalho em séries de televisão, como “Mad Men“, morreu na sexta-feira (15), aos 54 anos, de uma doença no sangue não identificada, segundo Adam Kersh, agente da cineasta.

Ela realizou dois filmes muito elogiados pela crítica, “Entre Irmãs” (2011) e “Encalhados” (2014). Revelada no Festival de Cannes com “O Dia da Transa” (Humpday, 2009), sobre dois amigos heterossexuais que decidem fazer um filme pornô gay, a diretora passou a frequentar o circuito alternativo de festivais (Sundance e outros).

Fonte: CorreiodoPovo / Foto: Reprodução Internet

Sinopse: A série mostra Nova York em 1960. O protagonista Don Draper enfrenta dificuldades para permanecer no topo do mundo entre as agências de publicidade. Em torno dele estão sua família, os demais sócios e os funcionários da agência.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here