Durante o último final de semana (19 e 20) aconteceu em Monte Belo do Sul a 3º edição do Festival Vieni Vivere La Vita. Os festejos, neste ano, foram celebrados com um sabor especial. O domingo (20), marcou os 30 anos da emancipação da cidade e, o evento em si, foi o primeiro desde 2020, quando iniciou a pandemia.

Milhares de pessoas estiveram presentes na praça central de Monte Belo do Sul para prestigiar shows de música, opções de gastronomia e, também, vinhos e sucos produzidos na cidade e região. Ao total, foram 27 empreendimentos no local para receber os turistas e os munícipes.

Apesar do tempo nublado os turistas não deixaram de comparecer ao Vieni Vivere la Vita. Um dos expositores, Ivan Lazarotto, destacou que a edição, assim como nas oportunidades passadas, foi uma “festa linda” e nem mesmo o vento e as garoas afastaram as pessoas da celebração.

“O clima ontem foi bem complicado. Ontem (sábado) só abriu a partir das 16 horas, mas o público mesmo assim veio. Nós tivemos relatos, inclusive de clientes que vieram sem olhar se estava chovendo ou não porque gostaram muito da experiência do Festival e isso para nós também é bem importante… Saber que o festival tem esse poder de alcance, que as pessoas estão gostando disso, que é uma experiência legal.”

Os dois anos sem o Vieni Vivere la Vita fizeram com que a procura fosse “excelente” nas palavras do empresário. E, em novembro, quando a quarta edição acontecer, espera-se que o tempo esteja melhor e, dessa forma, o Festival registre ainda mais pessoas.

“Na verdade, o pessoal procurou mais ainda o festival, porque com o clima de ontem e de hoje a expectativa não era tão boa e está sendo excelente. O pessoal tem procurado bastante pois gosta da experiência. É para o próximo, que vai acontecer em novembro deste ano, a quarta edição, que essa de março está se referenciando a 2021 que não aconteceu por causa da pandemia A expectativa é maior ainda. Teremos um clima mais ameno e, quem sabe, poder receber melhor todo esse público.”

A retomada de eventos é algo que, segundo o prefeito Adenir Dallé, era importante. Antes da pandemia iniciar, Monte Belo do Sul apresentava um crescimento no número de turistas. Com a paralização em virtude do cenário mundial, o segmento teve uma queda. Porém, atualmente com a vacinação e redução de casos no planeta, os turistas têm voltado à cidade. Lazarotto destacou que a volta dos eventos e, por consequência, dos visitantes, é importante para alavancar os negócios.

Fonte: Leouve / Fotos: Günther / Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here