Jornalista Priscilla Panizzon

Abordando experiências pessoais após a descoberta do Sagrado Feminino, o livro Toda Mulher é Sagrada, de autoria da jornalista Priscilla Panizzon, já está à venda em livrarias de Caxias do Sul. A obra conta com uma seleção dos melhores textos publicados no blog de mesmo nome e ainda conteúdos inéditos. O projeto digital completou três anos em outubro passado e, para comemorar esse ciclo, ganhou sua versão impressa.

A viabilização da publicação ocorreu por meio de um financiamento coletivo, realizado durante o último mês de novembro. A campanha atingiu a marca de 110% de arrecadação do valor estipulado, com mais de 110 apoiadores contabilizados. Desde fevereiro, a entrega dos exemplares aos colaboradores está sendo feita, estando agora na fase final.

De acordo com Priscilla, é uma alegria poder colocar seu primeiro livro à venda nas livrarias da cidade onde nasceu e mora. “Ter o livro nas mãos é um sonho realizado para mim. Mas sei que ele só cumpre o seu propósito quando chega às leitoras e leitores, por isso me sinto muito feliz em vê-lo nas lojas”, destaca. A autora diz ainda que segue escrevendo no blog, além de estar planejando o lançamento de diversas novidades para os próximos meses.

A obra está disponível a R$ 39,90 nas livrarias Do Arco da Velha (Rua Dr. Montaury, 1570), Maneco (Rua Mal. Floriano, 879) e Sempre Ler (Rua Os Dezoito do Forte, 1754, junto ao Colégio La Salle Carmo), todas na área central. Os estabelecimentos oferecem atendimento via telefone, WhatsApp, redes sociais e site para compras online.

Playlist para a leitura
Por se conectar muito com músicas, Priscilla escolheu abrir cada capítulo com uma canção. As escolhidas, todas na voz de mulheres, podem ser conferidas em uma playlist que leva o nome “Livro Toda Mulher é Sagrada”, disponível no perfil do Spotify da autora. Letras e melodias foram selecionadas para tornar a experiência da leitura ainda mais especial.

Sagrado Feminino
Trata-se de um saber milenar que compreende um estilo de vida baseado na espiritualidade voltada para o feminino, desenvolvida por meio da prática do autoconhecimento sobre aspectos emocionais, mentais, físicos, energéticos e espirituais da mulher, a partir da consciência dos ciclos femininos (como a menstruação e a gestação), reconhecendo-a em sua integralidade. Engloba o resgate da criatividade, intuição e sexualidade femininas, além da reconexão com a natureza e com a Deusa interior e exterior.

Fonte: Assessoria de imprensa / Fotos: Priscilla Panizzon / Arquivo Pessoal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here