Para ajudar a proteger os profissionais de saúde que estão na linha de frente no combate à pandemia com o novo coronavírus (Covid-19) em municípios gaúchos, empresas e pessoas físicas estão convidadas a participar da Campanha #TamoJunto. Organizada pelo Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS), a mobilização busca arrecadar materiais necessários para a produção de alguns equipamentos de proteção que serão doados para médicos, enfermeiros e técnicos que atuam na emergência em saúde.

Doando conhecimento, tempo e mostrando solidariedade, voluntários, servidores e estudantes do IFRS estão produzindo os equipamentos. Eles utilizam impressoras 3D, máquinas de corte a laser, máquinas de costura, entre outros maquinários necessários para a fabricação de protetores faciais (face shields), caixas protetoras e batas hospitalares para serem utilizados por profissionais de saúde durante o atendimento a pacientes, com o objetivo de reduzir os riscos de contaminação.

A produção vem sendo feita em esquema de revezamento nos laboratórios ou em “home office”, por equipes do Centro Tecnológico de Acessibilidade (CTA) do IFRS e dos campi Farroupilha, Erechim e Porto Alegre.

A demanda recebida dos serviços de saúde é grande e a dificuldade no momento é conseguir o material para produzir os equipamentos.

Se você ou sua empresa puderem colaborar, os contatos com o IFRS podem ser realizados pelo e-mail: comite.covid19@ifrs.edu.br.

As necessidades da campanha podem ser consultadas na página da Campanha no site do IFRS, que será constantemente atualizada.

As demandas mais urgentes são:

Centro Tecnológico de Acessibilidade (CTA) do IFRS, em Bento Gonçalves
Necessidades:
– Bobina de PET com pelo menos 0,5mm de espessura para a produção de protetores faciais para profissionais de saúde
– Chapa de acrílico transparente entre 2mm e 4mm para a elaboração de protetores faciais para profissionais de saúde
– Chapa de acrílico transparente entre entre 5mm e 10mm para a confecção de caixa protetora para médicos
Quem receberá os materiais: Secretaria Municipal de Saúde de Bento Gonçalves, Hospital Tacchini de Bento Gonçalves, Santa Casa de Porto Alegre, Hospital de Clínicas de Porto Alegre.

Campus Farroupilha do IFRS
Necessidades:
– Bobinas de pet/acetato com ótima transparência de 0,5 mm de espessura
– Chapas de acrílico/pet/policarbonato de 2 a 4 mm de espessura
– Elástico de 9-10 mm de largura
Todos os materiais são para a produção de protetores faciais para profissionais de saúde.
Quem receberá os materiais: Secretaria Municipal de Saúde de Farroupilha.

Campus Erechim do IFRS
Necessidade:
– Tecido não-tecido (TNT) com gramatura 50g/m2 e determinação da eficiência da filtração bacteriológica pelo fornecedor do material – o elemento filtrante deve possuir eficiência de filtragem de partículas (EFP) > 98% e eficiência de filtragem bacteriológica (BFE) > 95%. Será utilizado para a confecção de batas hospitalares para os profissionais de saúde.
Quem receberá os materiais: Órgãos de saúde da região do Alto Uruguai

Campus Porto Alegre do IFRS
Necessidade:
– Folhas de acetato transparente de 0,.5mm tamanho A3 ou rolo, para a produção de protetores faciais para profissionais de saúde.
Quem receberá os materiais: instituições de saúde cadastradas no grupo de trabalho voluntário Brothers in Arms Covid-19, vinculado ao movimento Pacto Alegre

Contatos podem ser feitos com o IFRS pelo e-mail: comite.covid19@ifrs.edu.br.

Fonte: Departamento de Comunicação / Foto: Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here