Enquanto durar a situação de pandemia do novo coronarívus, instituições de ensino superior poderão substituir as aulas presenciais pelo ensino à distância. A medida foi autorizada pelo Ministério da Educação (MEC) para que seja possível o cumprimento dos dias letivos e das horas-aula estabelecidos em lei.

Se sua faculdade adotar a Educação à Distância, é preciso organizar uma nova rotina de estudos. Nessa transição, muitos alunos acabam se perdendo com o tempo e conteúdo e até deixam de ter motivação. Por isso, o PRAVALER, maior fintech de soluções financeiras para educação, elencou cinco erros comuns de quem estuda de casa para que você possa evitar e ter um bom aproveitamento do curso à distância:

Falta de planejamento
Se você não tiver um bom planejamento, será mais difícil lidar com toda a demanda. Para manter um cronograma de estudo, é importante estabelecer um horário fixo diário que você pretende dedicar aos estudos e ser persistente na rotina. Anote na agenda ou calendário o que você precisa fazer e não se esqueça de marcar prazos e quais matérias exigem mais da sua atenção.

Estudar em qualquer lugar
Pode não parecer, mas estudar em um lugar apropriado, com boa iluminação e livre de muitos ruídos externos é essencial para ter uma boa concentração e aprender melhor o conteúdo. Aqui, valem também as mesmas dicas do trabalho remoto: não fique de pijamas, reserve um lugar específico para estudar e tente seguir o máximo da rotina normal.

Não tirar dúvidas
Não deixe de participar das aulas e discussões online. Estudar à distância pode levantar ainda mais dúvidas do que o normal, então lembre-se de anotá-las para perguntar. A participação ativa para esclarecer dúvidas ou algum ponto do material de estudo que não ficou claro é fundamental para um bom resultado. Por isso, utilize as discussões de grupo com os colegas, discuta os temas com eles e com o tutor.

Distrações
Para manter o foco, evite distrações externas, como lugares barulhentos, TV ligada e músicas altas. O uso de celulares e redes sociais durante os estudos pode tirar o foco do conteúdo, além de desperdiçar o tempo destinado aos estudos, o que pode fazer demorar ainda mais para acabar a lição.

Não levar a sério
Um erro muito comum é não dar a mesma importância para as aulas em vídeo do que as presenciais. O distanciamento da sala de aula não significa que a exigência do curso será menor. O conteúdo continuará sendo cobrado por meio de avaliações e o aluno precisará de mais foco e organização. O acúmulo de aulas, deveres e estudos pode gerar uma série de problemas ao longo do curso.

Fonte: Pravaler / Foto: Reprodução Internet

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here