Autêntico em sua essência e propulsor de uma nova forma de encantar por meio do turismo de experiência – assim a primeira edição do ‘Vieni Vivere la Vita Festival’, realizado no sábado (17), em Monte Belo do Sul não só surpreendeu pelo êxito como, principalmente, assinalou uma passagem histórica para o município. Encampado pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, atraiu, logo na estreia e em um único dia, mais de três mil pessoas à cidade de apenas 2.500 habitantes.

Durante todo o dia elas puderam vivenciar um pouco daquilo que a cidade tem de melhor: belezas naturais, ares bucólicos de uma região típica do interior da Serra gaúcha, clima acolhedor e, com destaque, o trabalho de cerca de 20 empreendedores locais – com itens de gastronomia e artesanato. Completando as atrações, dezenas de apresentações artísticas e culturais colocaram em cena o talento da região.

Tantos atrativos chamaram a atenção de visitantes vindos de longe – como foi o caso de um grupo de mineiros de Pedro Leopoldo que se deslocou do Sudeste do país especialmente para o festival. “Nós vimos o evento nas redes sociais e adoramos a proposta, por isso decidimos acompanhar”, conta a advogada Bárbara De Matos Vieira. “Muitas opções de bebidas e comidas, músicas locais de qualidade, com danças típicas e bandas autorais, algo que não vemos com frequência na nossa terra”, relata o bombeiro civil Leonardo Sales Rocha. E para completar a experiência, o grupo ficou hospedado em uma residência no próprio município – por meio de um site onde casas para aluguéis são cadastradas.

Vivenciando Monte Belo do Sul

Ao longo da programação do Festival, cerca de 10 atrações artísticas subiram ao palco para agradar os mais diferentes perfis de público – desde rock autoral até as típicas músicas e danças italianas. Enquanto apreciavam a sonoridade ambiente, os visitantes puderam passar por mais de 20 barracas espalhadas pela Praça Padre José Ferlin, conferir o melhor dos produtos monte-belenses e experienciar o local sentados sob uma das árvores mais antigas da cidade, localizada na praça central. Quando a noite chegou, a iluminação recebeu destaque, lembrando os mais genuínos eventos de pequenas localidades europeias.

Esse combinado de atrativos visa a valorizar os empreendedores e o povo local – e eles garantem a importância deste tipo de promoção. A Vinhos Faé é exemplo disso. Com a vinícola familiar localizada no interior de Monte Belo, a exposição que o ‘Vieni Vivere la Vita Festival’ proporcionou aos pequenos empreendedores foi acima da expectativa. “O evento surpreendeu pela organização, divulgação e qualidade. Foi uma excelente oportunidade para nós, pequenos empreendedores. Vejo com bons olhos um futuro promissor para o turismo monte-belense”, conta Roque Faé, proprietário da vinícola. Para ele, o festival promoveu mais negócios do que uma feira convencional, pela proposta que teve.

O Café Faccin – empreendimento que estreia este ano não só no festival, mas também no comércio monte-belense – celebra a realização do evento para a divulgação do empreendedorismo local. “O resultado foi excelente, superando as nossas perspectivas. Conseguimos movimentar os negócios e expor a união dos empreendedores junto ao aporte turístico que temos a oferecer. Estamos aguardando ansiosamente o próximo”, conta Renata Faccin, uma das proprietárias.

Lançamento da campanha ‘Vieni Vivere la Vita’

O relógio marcava 20h e Monte Belo do Sul iniciava oficialmente uma nova era para o turismo local. Após meses de preparação, a comunidade pôde conhecer o material promocional do projeto, apresentado no momento auge do festival. A primeira peça a ser exposta foi o vídeo institucional da campanha – uma produção que conta com diversas imagens produzidas sobre Monte Belo. Logo após, subiram ao palco os idealizadores da iniciativa.

Ivane Fávero, consultora que orientou o projeto, exaltou a proposta do poder público municipal em promover uma nova forma de experienciar as potencialidades locais. “Nós só podemos plantar a semente do desenvolvimento em terrenos férteis. Monte Belo está disposto e preparado para evoluir cada vez mais”, enfatizou. O prefeito, Adenir José Dallé, também reafirmou o comprometimento com o crescimento turístico do município. “Nós assumimos o compromisso de valorização e fomento ao turismo monte-belense, pois sabemos do potencial que o nosso povo tem. Estamos no rumo certo”, ressaltou.

O Secretário de Cultura e Turismo, Alvaro Manzoni, afirmou que esse projeto de gestão envolve todas as secretarias municipais, empreendedores, famílias e comunidade. “O trabalho que vem sendo desenvolvido, além de conquistar prêmios a nível estadual, tem unido as famílias, fortalecendo a economia, integrando crianças, jovens e adultos em projetos turísticos-culturais que vem ao encontro não só dos objetivos de uma gestão, mas a um planejamento que possa render bons frutos no futuro”, aponta.

O desenvolvimento da campanha teve como produtores Amanda e Maurício Pamplona. O ‘Vieni Vivere la Vita Festival’ contou com a colaboração do Centro de Tradições Italianas de Monte Belo do Sul e patrocínio de Monello e Britamil, com financiamento de Pró-cultura/RS – LIC do governo do Estado do Rio Grande do Sul – todos foram homenageados na solenidade de lançamento da campanha. Além disso, outra proposta foi lançada: o Belo Natal, a próxima iniciativa do poder municipal, a ser realizado em dezembro deste ano.

Fonte: Exata Comunicação / Foto: Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here