A primeira edição da Tum Tum Semana da Música, evento em formato inédito na Serra Gaúcha, ocorre em Caxias do Sul, entre os dias 11 e 17 de fevereiro, na Uniftec.

Esta é uma ação que reflete o que está acontecendo na contemporaneidade da indústria criativa, com foco na música, na produção cultural e no empreendedorismo. Durante sete dias, a cidade vai respirar música e cultura, com destaques nacionais, regionais e locais da música popular e do empreendedorismo criativo estarão na cidade, numa maratona por meio de oficinas, palestras, painel de debate, intervenções musicais e shows. Toda a programação será ofertada gratuitamente ao público.

A ação deriva da percepção do diretor artístico Beto Scopel, e da diretora executiva Juliana Pandolfo, ambos da Tum Tum Produções, de que é preciso sistematicamente instrumentalizar músicos e profissionais da cadeia produtiva da cultura e continuar formando público para a música no Rio Grande do Sul e, em especial, na região da Serra.

SOBRE A PROGRAMAÇÃO:

Para tornar efetiva a capacitação do público, tal qual o interesse deste em desenvolver-se como agente profissional da cultura, a curadoria buscou grandes nomes para compor a programação. Oficinas de música com foco no aperfeiçoamento instrumental, vocal e práticas de conjunto, contarão com grandes nomes como o guitarrista vencedor do GRAMMY, Alegre Corrêa e o ganhador do Prêmio Açorianos, o violonista Lucio Yanel. Além de grandes figuras, destaques da música brasileira, com carreiras consolidadas nacional e internacionalmente como: o saxofonista Richard Ferrarini e seu irmão, o pianista, Léo Ferrarini; o bandolinista Elias Barboza; o contrabaixista Rafael Calegari; o flautista Gil Soares; o cantautor Federico Trindade; o percussionista Zé Everton Rozzini; o acordeonista Bruno Moritz e o trompetista Jean Carlos.

E, visando um estudo aprofundado acerca de empreendedorismo, economia, mercado das indústrias criativas e profissionalização, a doutora em Sociologia, diretora cultural, pesquisadora de políticas públicas para cultura e consultora da SIM São Paulo, Dani Ribas e do DJ, diretor artístico, radialista e produtor cultural, Patrick Torquato, trazem toda suas experiências para compartilhar. Além destes, Gestão de Shows e Turnês será um tema abordado em uma grande palestra com o músico e especialista em gestão de comunicação e marketing da BM&A (Brazil, Music & Arts), Fábio Sabetta.

Ainda no segmento empreendedorismo cultural, serão ministradas palestras sobre diversos temas como Formalização do Microempreendedor Individual e Empreendedorismo que Transforma, com o Sebrae, criatividade e propulsão de negócios, com o Grupo Setorial de Economia Criativa da Microempa, direção de artes e temas afins com o diretor artístico e criativo Pepe Pessoa. Comunicação e fotografia para as artes também serão temas de palestras, ministradas respectivamente pela jornalista Sandra Cecília Peradelles e a fotógrafa Jéssica Melinda.

No quesito entretenimento, serão realizadas apresentações dos grupos formados nas oficinas na sexta, às 16h, na Praça Dante Alighieri; no sábado, às 16h, no Parque dos Macaquinhos; além do encerramento do evento, às 19h, no domingo. Ainda no sábado, será organizada uma Jam Session no Zarabatana Café para a interação mais profunda entre os músicos e a comunidade.

Para fechar a programação ligada ao mercado das indústrias criativas com foco na música, um painel debate será realizado no domingo, às 14h, com Dani Ribas (Sim São Paulo), Bruno Melo (MATE Festival) e Monique Dardenne (Women’s Music Event) para um apanhado geral sobre o evento, outras feiras e a realidade do mercado da música no Brasil e no mundo.

SOBRE AS INSCRIÇÕES:

As inscrições para as oficinas foram abertas via chamada pública e já estão encerradas e as turmas já estão formadas. Já as sete palestras são abertas ao público, bastando comparecer à Uniftec antecipadamente no dia da atividade para o credenciamento. Pede-se a doação de um kilo de alimento não perecível no dia do credenciamento, que posteriormente será encaminhado ao Lar da Velhice São Francisco de Assis. Ao público que assistirá aos shows pedimos, também, a doação de um kilo de alimento.

O público a ser alcançado permeia entre produtores culturais e musicais; instrumentistas; cantores; compositores; gestores culturais; agentes de cultura; curadores de casas de shows; artistas em geral que estejam interessados em profissionalizar-se ou aperfeiçoar seus conhecimentos, empreendedores do mercado da economia criativa, além de toda a comunidade caxiense que poderá desfrutar de shows gratuitos com grandes nomes da música.

Mais informações: https://www.facebook.com/events/388615211888160/ 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa / Foto: Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here