Um dos ícones locais, a Estação Férrea de Garibaldi foi inaugurada em 7 de setembro de 1918, completando 100 anos na última quinta-feira. O trecho ligou a cidade a Carlos Barbosa e, no ano seguinte, a malha ferroviária chegou a Bento Gonçalves.

O conjunto arquitetônico da Estação funcionou com o transporte de passageiros até meados de 1970. Desde 1992, integra o roteiro da Maria Fumaça – Trem do Vinho, com apresentações artísticas de música italiana e gaúcha, além de degustações de vinho, espumantes e suco de uva.O passeio, operado pela Giordani Turismo, é dos destaques turísticos da Serra Gaúcha, transportando cerca de 300 mil pessoas por ano durante os 23 quilômetros do percurso, além de manter viva e preservada a cultura ferroviária. Para a comunidade garibaldense, a Estação é um atrativo muito visitado e apreciado para a prática de esportes, como caminhadas e corridas.

Cenário de diversas produções audiovisuais, a Estação Férrea também integra a Rota Cinematográfica “Garibaldi: uma cidade de cinema”, lançada recentemente. Um dos grandes destaques foi o recente “O Filme da Minha Vida”, dirigido e estrelado por Selton Mello. No longa, o local e a Maria Fumaça aparecem em diversos momentos conduzindo os personagens em suas viagens entre os municípios fictícios de Remanso e Frontera.

Para o secretário Paulo Salvi, o centenário da Estação demonstra a importância de preservar a história. “O local foi extremamente importante no desenvolvimento da nossa região e hoje, com a Maria Fumaça, continua a encantar moradores e visitantes contando nossas origens e enaltecendo nossos costumes”, enfatiza.

Fonte: Assessoria de Imprensa / Foto: Alexandra Ungaratto

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here